Ajudei a Titia tarada trepar com o sobrinho

Depois de alguns dias da deliciosa trepada com os dois sobrinhos da minha vizinha (meu penúltimo conto) ela me liga e me chama na casa dela falando que queria conversar, na hora eu achei que ela estivesse carente e quisesse um “bate papo” diferente e como fazia tempo que nós duas não trepavamos, eu já fui preparada para uma boa chupação de buceta e nisso ela é boa !! Tomei um bom banho, depilei toda a minha bucetinha que eu sei que ela gosta de bem carequinha, coloquei uma calcinha preta bem pequena bem enfiada na bunda uma mini saia e um top branco deixando bem marcados os meus biquinhos do peito já durinhos, ou seja fui pronta para uma boa sacanagem e quando a Mara me viu já foi falando :
– Puta que pariu menina, assim você me deixa deixa louquinha !!
– Calma Mara, você sabe que esse corpinho é seu, não precisa nem pedir !!
Abracei ela e dei um delicioso beijo de língua muito bem correspondido, mas ao final do beijo ela me fala :
– Não era bem isso que eu planejava mas já fiquei com a buceta piscando de vontade, mas primeiro realmente quero conversar um pouco com você.
– É o seguinte, depois que você trepou com os meu dois sobrinhos, eu não consegui tirar isso da minha cabeça imaginando como seria uma foda com eles, ainda mais sabendo que o mais novo é o mais sacana e cada vez que eu olho os dois o tesão cresce e eu tenho que tocar uma siririca para acalmar, e como eles vão embora daqui a dois dias e eu quero uma ajuda sua para não ficar na vontade !!!
– Então só nos resta fazer uma boa farra com os dois.
– É o que eu quero, mas eu sou a tia deles.
– Foda-se isso, além de eu ser a putinha da minha mãe nós duas sempre fazemos farras juntas.
E nisso o Lucas (o sobrinho mais novo) entra em casa e a Tia espantada pergunta :
– Você não tinha ido ao cinema com o seu irmão
– Tinha sim tia, mas aquele viado só faz o que o amiguinho dele quer e eu resolvi voltar.
Ele veio em minha direção me deu um beijo na boca e disse que se ele soubesse que eu vinha ele não teria nem saído. Só de olhar ele me beijando a tia já estava esfregando a buceta por cima da calça, realmente ela estava louquinha pelo sobrinho e eu pensei ” Vai se agora que eu vou fazer esse moleque dar uma surra de rola na Tia ” puxei o Lucas novamente e dei outro beijo nele, só que agora mais demorado e durante o beijo eu fiquei esfregando o pau dele até ele ficar bem duro, a Mara nos olhando abria e fechava as pernas apertando a mão contra a buceta o Lucas tentava esconder da Tia o volume na calça mas foi ai que eu comecei a farra, virei o Lucas para ela peguei no pau dele por cima da calça e falei :
– Veja Mara, o seu sobrinho já é um homem feito, você nem imagina como esse cacete é delicioso.
Ele ficou vermelho e apontando para a Tia sussurrou me chamando de louca e eu respondi :
– Louca nada, a sua Titia é muito mais puta que eu quer ver ???
Tirei a calça dele, depois a cueca e na hora que aquela delicia de cacete ficou todo para fora já com a cabeça brilhando de tão babado eu enfiei tudo na boca, chupei com vontade, e depois de lamber toda a baba olhei para a Mara e falei :
– Vai ficar só olhando, vem me ajudar que tem cacete para nós duas.
Ela meio sem jeito veio para perto de nós se abaixou mas como ela ainda estava sem coragem de chupar o pau do sobrinho eu tirei a blusa dela chupei os bicos já durinhos do peito dela, dei outra chupada no pau babado do Lucas e com a boca melada falei :
– Vem sentir o gostinho do pau do seu sobrinho
e comecei um belo beijo na boca dela que em pouco tempo estava me engolindo, ela chupava a minha língua, lambia os meu lábio querendo sentir o gosto do pau do sobrinho até que ela mesma parou com o beijo e caiu de boca no pau do Lucas, ela com as mãos agarradas na bunda dele empurrava e puxava ele fazendo o pau dele entrar e sair todo da boca dela, ela estava se deliciando chupando o sobrinho, enquanto ela chupava eu acariciava a minha buceta com dois dedos bem enfiados nela e com a outra mão acariciava a buceta dela também com dois dedos enfiados, e ainda ajudava ela chupar o pau do sobrinho, Lucas não acreditava no que via, a Tia chupando o pau dele com a buceta sendo acariciada por mim, em pouco tempo ele agarrou nos cabelos dela enfiou o pau todo na boca da Tia gemeu alto e gozou, ele soltou vários jatos de porra dentro da boca dela, por mais que ela quisesse engolir tudo não deu, e a parte que escorria pelo canto da boca dela eu lambia pegando para mim. Depois dessa gozada os dois ficaram em silêncio, tensos sem saber o que fazer e eu quebrei o gelo mandando ele ir tomar um banho para se refazer !!! ele riu e disse :
– Me refazer ?? Vai ter mais ??
– Claro Lucas, ainda vai ter muito mais
Ele abriu outro sorriso e foi para o banheiro, nisso eu perguntei se a Mara tinha gostado se era o que ela esperava e ela já mais tranquilha falou que ainda se senta estranha por ter chupado o pau do sobrinho mas não podia negar que tinha sido uma delicia sentir o pau dele cuspindo vários jatos de porra na garganta dela.
– Então Mara é isso que importa, agora da na mesma parar ou continuar, então vamos fazer ele se acabar com nós duas.
Como ele já estava saindo do banho, eu sentei no sofá abri bem as pernas e mandei a Mara me chupar, ela ficou de 4 e veio, que tesão, fazia tempo que eu não era chupada por ela, ela foi a primeira a me chupar junto com a mamãe, sempre vai ser especial e ela gosta, a cada lambida dela na minha buceta eu me arrepiava toda e quando o Lucas saiu do banho e viu a Tia no meio das minhas pernas me chupando ele arregalou os olhos não acreditando no que via e gritou :
– Tia, o que é isso !!
ai eu aproveitei a deixa e falei :
– O que foi Lucas, a sua Tia pode chupar o seu pau mas não pode chupar a minha buceta ?? Deixe de ser bobo e aproveite que ela esta de 4 e faça o que ela mais quer, enfie fundo esse cacete na buceta dela, e sem demora foi o que ele fez e quando ela sentiu o pau do sobrinho entrando na buceta dela, ela quase me morde, abocanhando a minha buceta, aperta bem o meu grelhinho entre os lábios e espera ele meter e depois que ele meteu tudo e começou o vai vem ela gemia tanto que parecia que a cada metida era uma gozada, fiquei até com inveja rsrs. Depois de algum tempo assim os dois mudaram de posição, ele se deitou no chão e ela veio de cavalinho e sentou gostoso no pau dele, ela subia e descia fazendo o pau dele sumir dentro dela e cada subida ela abria bem a bunda para sentir mais ainda e foi ai que não resisti e vendo aquele cuzinho rosado dando sopa fui para cima meti o dedo bem fundo no cu dela sentindo pau dele dentro dela entrando e saindo, que delicia, e de tempo em tempo eu tirava o pau dele da buceta dela botava na minha boca para sentir o gostinho dela misturado com o dele, Adoro !!, e quando eu não aquentava mais eu empurrei tirando ela de cima dele, praticamente pulei em cima dele metendo o pau bem fundo na minha buceta e rebolei como louca e em pouco tempo gozei, gozei tanto que escorreu pelas minhas pernas, puta que delicia de gozada, mas mal relaxei foi a vez da Mara me empurrar e pular de volta em cima dele rebolando muito e como aconteceu comigo aconteceu com ela, ela rapidamente gozou, mas gozou frenéticamente parecia que era a sua primeira vez, foi tesão puro, mas o empurra empurra não parou por ai, foi a vez do Lucas, ele empurrou a Tia de cima dele mandou ela ficar de 4 e na hora que ele foi meter na buceta dela eu gritei :
– Ai não Lucas, mete no cu !!
Ele me olhou meio receioso e eu repeti :
– Isso mesmo, no cu, vai sem dó, esse cuzinho já levou muita rola !!
Dito e feito, ele meteu fundo, o cu dela engoliu tudo sem frescura, não precisou nem de meio duzia de bombadas e o Lucas já estava gozando no cu da Tia, gozou tanto que foram vários jatos de porra dentro e ainda teve uns dois fora do cu dela, a Mara delirava sentindo o sobrinho gozar no seu cu, era uma viagem de puro prazer !! e para encerrar eu resolvi arriscar e testar o Lucas, mandei a Mara se virar e ainda toda lambuzada de porra falei para o Lucas :
– Seja um sobrinho bonzinho e limpe toda a bagunça que você fez na buceta da Titia !!
– Mas como ??
– Não se faça de bobo, chupando, você ainda nem deu uma chupada na buceta nela !!
Ele me olhou deu um sorrisinho abriu as pernas da Tia e caiu de boca, começou chupando a buceta dela com vontade e logo em seguida com a língua foi limpando toda a porra que ele tinha deixado nela como um verdeiro putinho e isso só confirmou o que eu suspeitava desde do dia que conheci ele e o irmão, eles também curtem uma farra Bi, e essa vai ser a nossa próxima foda (até já aconteceu, mas conto outro dia).
Depois de tudo acabado tomamos um banho, conversamos muito sobre tudo que tinha acontecido mostrando para ele o quanto todo isso era delicado e que ele não poderia contar para ninguém, ele entendeu garantiu que seria segredo e ainda disse que agora viria muito mais vezes visitar a Titia, já vi tudo !! rsrsrs
Beijinhos na bucetinha e no pau de todos
Tati

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.