Minha esposa me traiu pela primeira vez com meu amigo

Somos casados há 20 anos e nunca fizemos nada de diferente. Tudo começou numa manhã, eu e minha esposa conversando na cama sobre traição. Disse a ela que eu fantasiava ela com outro e ela topava isso, ela falou que era complicado e que não se sentiria confortável. Então eu finjo atender uma ligação. Desligo e digo a ela que um amigo meu a achava uma gostosa. Ela me olhou estranho e diz: “você está louco?”. Desconversei e começamos a transar…
coroa douradacoroa douradacoroa douradacoroa douradacoroa cinza

No meio da transa voltei ao assunto do amigo de novo e ela no calor da coisa aceitou um pouco. Foi aí que senti que ela gostaria de fazer sexo com outro alguém. Disse a ela que iria ligar para meu amigo e ela não disse nem “sim”, nem “não”, daí eu falei: “se você não quer decidir, eu decido. Só não me faça chamar o cara aqui e depois desistir”. Então ela me disse: “se você não ficar bravo, eu topo.”. Na hora peguei o telefone e liguei para um amigo que mora próximo de casa e pedi a ela uma carona.

Dez minutos depois, ele buzinou no portão, eu falei que ainda não estava pronto e pedi que ele entrasse e aguardasse. Enquanto ele entrava, combinei com minha mulher que eu iria ao banheiro e que quando ele entrasse (deixei a porta aberta) ela fosse até a sala como se não soubesse que ele estava lá. Fiquei no corredor e pouco depois que ele entrou, ela foi só de calcinha até a sala e fingiu se assustar por não saber que ele estava ali. Eu fiquei olhando pela brecha da porta e vi a cara dele enquanto ela voltava para o quarto.

Cinco minutos depois fui até a sala cumprimentei-o e ofereci um café. Ele nada falou, aí eu disse: “Fulano, faz um favor, ajuda a minha mulher a carregar a bolsa lá no quarto para mim? A minha mulher já estava no quarto só de calcinha fio dental, fingindo que estava se arrumando. Ele foi pegar e fiquei esperando… Quase cinco minutos depois, ele não voltou. Daí fui até lá vi a cena mais deliciosa do mundo: minha safada de quatro e ele com o pau todinho dentro da buceta dela. Ninguém falou nada, ela continuou transando com ele e eu fiquei olhando, me masturbando.

Sexshop

A melhor coisa foi que ele perguntou uma hora se podia comer o cuzinho dela e ela não respondeu nada, eu fui até o banheiro peguei um oleozinho e levei para ele. Sem reclamar ela deixou ele comer o cuzinho (ela nunca tinha dado), daí eu explodi de tesão. Numa coisa louca, pedi que ele gozasse em sua boca. Foi aí que depois de 5 minutos ele encheu a boca da safada de porra, muita porra. E sem falar nada ele colocou a roupa e foi embora.

Depois disso, ela ainda cheia de esperma, a fodi como nunca, comendo o seu cu pela primeira vez.

Nunca mais vi meu amigo, fazem quatro meses, mas confesso eu e ela estamos com saudades.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.