O corninho manso gostoso

Me chamo Renata tenho 20 anos, sou magra, tenho bunda média e peitos grandes. Namoro com o Luiz, um pouco mais alto que eu, gostoso e de pica grande. Recentemente durante uma cavalgada gostosa em seu pau decidi contar a ele que queria muito chupar a pica grossa do meu amigo Pedro que mora com a gente. Então ele apertou minha bunda e deu um tapão e disse:
-Sua puta gostosa quer me fazer de corno?
Eu dei um gemido alto e disse quero muito seu corno manso!!
Então ele socou bem fundo o pau na minha busseta e disse:
-Toma sua vadia!!
Apesar de gostoso eu levantei, segurei seu rosto e disse:
-Já se divertiu de mais corninho, está na hora de ir chamar meu dono gostoso pra eu poder ser fudida de verdade.
Entreguei a calçinha fio dental dele mandei ele colocar, e depois sair de 4 ate o quarto do lado e chamar meu dono Pedro chupando sua pica gostosa. Enquanto eu fiquei de 4 na cama abrindo a bunda esperando por ele.
Quando eles entraram no meu quarto sentei o corninho na cadeira e puxei o pedro pelo pau e bejei a sua boca, um beijo bem molhado e intenso. Logo depois olhei pro corno e disse:
-Olha só corno, isso é um pau tesudo!!!!
Ele começou a gemer e bater punheta com o pau super duro, eu aguachei e comecei a chupar a pica do Pedro, ela era maior e mais grosso, com dificuldade engoli seu pau e senti ele pulsar dentro de mim. Nesse instante eu fiquei mais molhadinha que nunca…
O Pedro puxou meu cabelo e me jogou na cama, abriu minhas pernas e já meteu 3 dedos no meu cuzinho, me fazendo gemer igual a uma puta. Em seguida mergulhou com a sua língua no meu clítoris todo molhadinho e me chupou muuuuitoo gostoso. E assim gosei com ele socando no meu cu e me chupando, e nesse momento vi o corno gosando também ao me ver gemer e tremer na boca do meu dono.
Depois disso, o Pedro levantou beijou minha boca e disse que eu estava pronta pra levar a pica dele, imediatamente fiquei de 4, e mandei o corno vim deitar por debaixo de mim, abrir minha bunda e chupar as bolas do meu dono depois de chupar seu pau e meu cuzinho.
Avisei ao corno pra lembrar bem de como meu cu tava, porque a partir daquele momento ele já não seria mais assim. Dai trouxe o pau do meu dono ate meu rabo e ele começou a meter com o corno lambendo em volta do meu cu.
Assim que a cabecinha entrou, eu requebrei naquela pica gostosa fazendo com que o pau dele fosse sugado com uma pressão ainda maior que o normal. O pedro gemeu gostoso e deu um tapa na minha bunda, me chamando de vadia gostosa e em seguida metendo o resto do pau no meu cu, me fazendo delirar e requebrar ainda mais.
O corno começou a implorar por um boquete, mais não conseguiu nem uma punheta.
O Pedro socando ainda mais rápido no meu rabo arrombado, tirou a pica dele e meteu na boca do corno e eu disse pra ele chupar gostoso sentir meu gosto e do Pedro e lubrificar o pau pra entrar no meu rabo mais gostoso.
O corno quase gosou, e eu o chamei de corno manso.
O Pedro voltou a meter no meu cu, só que agora eu estava sentando com meu cu arrombado na sua pica gostosa enquanto ele apertava meus peitos e o corno chupava meu clítoris levando boladas na cara.
Eu requebrava muito, sugando e expulsando o pau dele do meu cu. Assim ele gemeu cada vez mais, e me chamando de puta gostosa gosou derramando a porra quente no meu cu e eu vibrando meu rabo no pau dele.
Nesse instante o Pedro me colocou de 4 eu abri minha bunda e mandei o corno tomar a porra do meu cu que estava escorrendo.
O corno ficou chocado com o quanto meu cu estava arrombado e pediu pra fazer ele gosar.
Eu disse que como ele foi um corninho muito obediente eu ia deixar ele meter no cu pra corno: arrombado e gosado. kkkkkkk, aquele corninho quase gosou só de ouvir, e começou a meter sem nenhuma dificuldade, dizendo como era gostoso meter no cu rápido e gosando logo em seguida no meu cu arrombado.

One Comment

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.