Professor arrombando meu cuzinho

Bom pessoal conforme muita gente me pediu estou voltando a escrever, dei um tempo, pois por problemas familiares não pude escrever, então vamos lá como muita gente lê meus contos já sabe de quem se trata este conto que é verdadeiro, mas quem nunca leu não tem noção, sou professor de Biologia e dou aulas para o ensino médio EJA normalmente são jovens que deixaram de estudar na adolescência e voltaram a estudar após completar os 18 anos, no meu ultimo conto contei que fui literalmente cantado por uma jovem de 19 anos, transamos no meu carro a caminho da sua casa foi um tremendo programa que eu jamais esperava, na semana seguinte no meio das aulas quando estava na sala dela era um tremendo perigo e muito tezão ela me chamava na sua carteira para alguma explicação encostava o cotovelo no meu pênis e cutucava e esfregava eu tinha que sair rápido para ninguém perceber minha ereção, num destes dias na aula antes do intervalo ela esperou todo mundo sair veio e me agarrou dando um delicioso beijo de língua e segurando no meu pau, quase gozei, mas sai rápido e disse a ela aqui não pode de jeito nenhum, passado isto marcamos um encontro para ficarmos mais a vontade, então a levei para um motel Bruna seu nome morena linda gostosa corpo de ninfeta coisa que eu com meus 60 anos fazia tempo que não bolinava desde que a conheci . Quando nos encontramos novamente a peguei perto da sua casa na hora que ela entrou no carro me deu um beijo no rosto e saímos logo que virei a rua ela já foi tirando meu pau para fora e alisando e me disse sonhei com ele inteirinho de novo na minha boca e eu tomando todo seu leitinho, eu respondi o que esta esperando, ela me disse agora não vamos chegar ao motel vou te chupar muito quero todo seu leitinho na minha boca não quero perder nada, aqui no carro fica desconfortável eu te quero pelado assim como sei que você também me quer, pois em nossos telefonemas e emails trocávamos muita caricia ela gozava de um lado e eu de outro, bom a hora que trancamos a porta do quarto nos agarramos e ficamos em um beijo longo quase nos afogando um com a língua do outro que demorou pelo menos uns cinco minutos e depois a troca de caricias pelo corpo foi demais, puxei sua blusa para cima com sutiã e tudo ela abriu minha calça e tirou meu pau para fora e começou a fazer carinho e gemer ai eu parei e disse vamos tirar logo a roupa, tiramos e fomos para cama, ela me disse deita e deixa-me brincar com você, que coisa mais gostosa uma ninfeta gostosa me subjugando na cama que delicia era o que eu mais queria, apesar de ter prometido a ela que a faria uma verdadeira puta, não precisei, pois se comportou como tal, pegou meu pau com tamanha vontade e literalmente o engoliu com sua boca enfiava até a garganta e depois tirava sugando-o eu gemia de tanto tezão, ajeitei sua buceta na minha boca e comecei a chupar enfiava língua rodava no clitóris que por sinal estava imenso eu passava minha língua na buceta dela e ia ate seu cuzinho alias cuzão delicioso, enfiava a língua lá dentro ela gemia de tezão e engolia mais ainda meu pau, ela começou a gemer ahahahahaahah aiaiaiaiai vou gozar e eu logo em seguida jorrei todo meu leite em sua boca ele ficou chupando ate tirar a ultima gota e me disse gozei duas vezes, deitamos um pouco um ao lado do outro para nos refazermos, pedi 2 ICE bem gelado e começamos a nos beijar e nos alisar e em 5 minutos eu já estava com o pau duro novamente ela me disse

caralho você tomou viagra eu disse não é tezão mesmo então ela sentou no meu pau com sua bucetinha deliciosa na qual tirei rapidamente ela se assustou eu disse sem camisinha não, e ela me disse eu tomo pílulas não tem problema amor eu disse se você engravidar ela me disse que era impossível, pois teve um problema quando mais jovem e me disse que jamais engravidaria, ela disse que toma as pílulas para regular a menstruação que é toda desregulada, mesmo assim ainda fiquei preocupado e coloquei a camisinha ela se sentou e ficou brincando por um tempo ate que ela gozou de novo, ai eu falei para ela vou tirar a camisinha e a hora que estiver para gozar quero na sua boca de novo, delicia amor quantas vezes você gozar na minha boca melhor adorei tomar todo seu leite quente e gostoso e quero mais e mais ela cavalgou mais alguns minutos e lá estava eu gritando vou gozar ahahahah tezzzzzaoaoaoao e para ela parar que ia gozar ela saiu rapidamente enfiou meu pau inteirinho na sua boca e recebeu todo aquele leite na garganta que ate engasgou tossindo um pouco, como de costume limpou inteirinho meu pau e disse que o gosto do meu esperma com melzinho ficava delicioso meu pau que já estava ficando meio mole depois de uma transa maravilhosa, ficamos deitados curtindo um ao outro eu alisando seu corpo maravilhoso e delicioso e ela segurando beijando meu pau e de vez em quando dava uma chupadas no bico do meu peito me deixando com um puta tezão novamente, neste papo ela me disse que já tinha tido caso com uma menina que gostou, mas o que ela gosta mesmo e de um pau, ai eu aproveitei e disse a ela que adoraria transar a 3 e ela me disse vou tentar convencer minha amiga a transar com a gente, vai ser meio difícil ela namora, transamos só duas vezes quando fomos para a praia sozinhas ela tem 20 anos e é morena assim igual a mim, ai eu disse a ela que tinha uma surpresa para ela, ficou curiosa. Fui à minha maleta e tirei um consolo do mesmo tamanho do meu pau ai ela me disse já levei consolo da minha amiga e já coloquei nela, mas não e a mesma coisa que um cacete, eu retruquei você vai gostar te garanto pedi a ela que deitasse de costas ficasse com as pernas levantadas coloquei uma camisinha no consolo e enterrei na sua buceta bem devagar e comecei a empurrar e tirar logo ela começou a gemer ahahahahahahahaha ai tirei um pouco eu passei meu pau na buceta dei umas duas estocadas e tirei enfiei novamente o consolo que eu havia tirado e comecei a enfiar meu pau no seu cuzinho ela começou a gemer aahhahahahahaha e a tremer com o consolo na buceta meu pau no seu cu ela tremia e gritava chorava e pedia mais mais mais empurra soca com força amor esta bom bom de mais, pois na posição que estávamos eu apertava o meu pau e o consolo junto ela gozou tanto que se mijou e molhou toda a cama ela ficou muito mole quase desmaiada e eu gozando aahahahahah gostoso no seu cu que quando tirei começou sair esperma junto, não sei da onde saiu tanta, mas nos entregamos ao cansaço, dormimos um pouco e fomos embora, quando a deixei em casa ela me deu um beijo de língua gostoso e disse você não tomou viagra mesmo eu disse não meu viagra e você ela me deu outro beijo e me disse quero mais, eu disse a hora que você quiser.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.