Realizando minha fantasia pela primeira vez

Nesse contos erótico especial na época eu tinha 24 anos, 53 kg, 1,67m, cabelos castanho claro, olhos verdes e tarada, adorava fuder, ainda adoro. Sempre gostei muito de ver filme pornô onde a mulher trepava com 3 ou mais homens e, um dia, depois de dar uma bela trepada com um amigo ficamos conversando e eu falei para ele. Depois disso nem lembrei mais do papo e um belo dia ele mudou de apartamento e eu me ofereci para ajudar ele na arrumação. Antonio me disse que iria morar com mais 3 amigos e que eles iriam chegar mais tarde, mas eu nem me dei conta no tom de malicia dele quando me falou isso. Fomos para o ap e no caminho eu sacaniei ele. Deitei no colo dele e fui mamando no pau dele o caminho todo, durou uns 15 minutos o trajeto e ele me pedia para parar que não estava conseguindo dirigir direito. “para sua cadelinha, to quase gozando na tua boca, sua puta”… ele sabia que eu ficava doida qdo me chamava de puta e eu chupei mais forte e com muita maestria lambia a cabecinha do pau dele e depois engolia ele todinho e chupava gostoso. Quando ele entrou na garagem e estacionou dei uma mamada bem forte e ele gozou gostoso na minha boca, fiquei com a boca cheia de porra quentinha. Ele amoleceu todinho. Saímos do carro, pegamos o elevador e ele me agarrou e começou a me beijar e passar as mãos pelo meu corpo todo me deixando toda arrepiada, entramos no ap e ele continuou me deixando louca. Antonio tirou toda a minha roupa, que era um vestidinho curto e minha calcinha e, começou a chupar minha buceta, me levou para a sala, me colocou no sofá e abriu minhas pernas e começou a meter gostoso na minha buceta, chegou no meu ouvido e disse: “tenho uma surpresa para a minha putinha preferida”… eu fiquei imaginando o que seria… ai ele colocou uma venda em meus olhos e disse: – fique bem relaxada, sinta minhas mãos, minha língua e dali a alguns segundos senti mais mãos passando pelo meu corpo, levei um susto, mas entrei na brincadeira e deixei rolar. Eu era virgem de cuzinho, nunca tinha dado o rabinho para ninguém e também era um pouco tímida, mas estava tão bom, não conseguia definir quantas mãos eram, mas deixei rolar. Os amigos dele já haviam chegado, só eu não sabia.
Carlos, Marcelo, Célio e Antonio. Eles eram gostosos e tinham uns paus deliciosos, primeiro senti com as mãos e o Antonio me ofereceu a eles falando que eu estava a disposição… Ela é a minha putinha preferida, mas posso dividir com vocês, é uma safada, adora fuder… eu adoro mamar gostoso num pau e já estava com os paus deles na minha boca de putinha safada. Eles me levantaram do sofá e começaram a me beijar e foram descendo aquelas línguas quentes e úmidas pelo meu corpo, me chupando todinha…. lambiam, mordiscavam os meus seios, foram descendo e começaram a meter a língua na minha buceta, no meu cuzinho… Carlos arrastava a língua pelo meu corpo e descia em direção a minha buceta, mas não colocava a boca lá, quando eu achava que ele ia atacar minha bucetinha. Ele passava a língua pertinho, em volta da vulva, escorregava para o cuzinho e deixava de lado a minha bucetinha e eu já estava doida… pedi para ele chupar minha buceta e ele dizia.. Implora safada… pede… puta chupadeira, safada, vagabunda… e lambia pertinho do meu grelinho, mas não o pegava, ficou nessa brincadeira uns minutos que pareceram horas, pois eu queria a língua dele na minha buceta…. O Celio que estava mamando nos meus seios, foi descendo e disse deixa gostosa, eu vou morder esse grelinho todo… e foi com a maior sede na minha buceta.. enfiava a língua, mordia meu grelinho gostoso, suave, eu segurava a cabeça dele e passava minha buceta na cara dele e ele se lambuzava… me virou de costas para ele, me fez ficar de 4 no sofá e meteu o pau na minha buceta por tras, tudo de uma vez só, eu quase desmaiei com aquele pauzão enterrado na minha buceta, começou a me fuder rápido e forte, enterrava todinho e tirava… aaahhhh que delicia… me fode, vem .. mete esse pau gostoso…. e eles resolveram que iam me comer em 4 ao mesmo tempo… um no cu, um na buceta e dois na boca… minha fantasia estava sendo realizada da melhor forma do mundo… Celio me girou no pau dele e ofereceu meu rabinho para o Carlos… eu pedia que não, nunca dei o cu antes… ele disse no meu ouvido.. “Putinha, relaxa, deixa acontecer…. adoro uma puta safada com dois paus enfiados no cu e na buceta…. relaxa gostosa.. Carlos vai meter o pau no seu cu de qualquer jeito então, melhor relaxar e deixar ele entrar” e começou a me beijar, que delicia… Carlos começou a lubrificar meu rabinho e foi metendo devagar, doeu um pouquinho, mas eu estava tão doida de tesão que comecei a rebolar de leve e fazer o pau dele escorregar para dentro de mim…. Antonio e Paulo me seguraram pelos cabelos e se revezar na minha boca e eu doida mamava os dois, punhetava e mamava gostoso…. o pau do Paulo foi ficando cada vez maior e duro, saltavam uma veias do pau dele e eu mamava mais forte, sentindo aquela delicia de pau na minha boca, sentia um tesão enorme mamando nele. Celio e Carlos bombavam na minha buceta e no meu cu e eu cada vez mais doida, eles me chamavam de puta, safada, rebola sua puta sente nossos paus em vc, vagabunda… aaaiiii que delicia…. comecei a gozar com aquelas picas todas dentro de mim. Antonio começou a fuder minha boca, mas pediu para o Carlos que queria meter no meu cuzinho… Carlos deixou e eu comecei a mamar no Celio e ele gozou gostoso… Carlos e Antonio começaram a mudar de posição, carlos meteu no meu cuzinho e Antonio na minha buceta, faziam movimentos fortes de vai e vem e nós gozamos os três, bem gostoso… passei o final de semana com eles, quando sai de la estava toda esfolada, com a buceta e o cu ardendo, mas feliz demais… Frequentei aquele apartamento durante o ano todo, até que acabei me mudando para Floripa, eles seguiram rumos diferentes e nunca mais nos vimos. Resolvi relatar para vocês e estou aqui com a buceta toda molhada, lembrando deles….

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.